sábado, 31 de outubro de 2009

Você quer deixar o homossexualismo?

Hoje há um movimento muito forte de afirmação homossexual, em que o indivíduo é incentivado com muita ênfase a se assumir gay. As pessoas são quase obrigadas a se dizerem homossexuais ou simpatizantes, numa avalanche de idéias como "liberte-se!" Mas eu não quero falar sobre isso. Quero falar com você, que se considera homossexual ou que está com a mente confusa e obscurecida por dúvidas e maus pensamentos. Quero falar a você que está amargurado com toda essa situação.

A Palavra de Deus diz que todos cometeram pecados e por isso perderam a comunham com o Senhor. Isso quer dizer que tanto você, que se considera homossexual, quanto quem não é estão sem Deus e por isso sofrem pesadamente as amarguras do pecado. Entre as coisas que Deus abominou está o homossexualismo. Mas a Bíblia diz que o ser humano, seja homem ou mulher, quer se considere homossexual ou não, é justificado gratuitamente pelo favor de Deus, o sacrifício de Jesus Cristo na cruz.

Jesus perdoa os pecados, porque é misericordioso, amoroso e levou sobre si todas as nossas iniqüidades, fazendo-se maldição por nós, porque está escrito que é maldito todo aquele que for pendurado numa cruz.

Jesus levou os pecados do assassino, da prostituta, do homossexual e de todos os outros seres humanos. Assim, quero concluir dizendo que se você quer deixar o homossexualismo, mas não encontra forças, você tem todo o meu apoio. Creia em Jesus Cristo, entregue a tua vida a Ele, vá e não peque mais.

Rouver Júnior

3 comentários:

Geovani Figueiredo dos Santos disse...

Graça e paz,Rouver!

Somente Cristo pode libertar os indivíduos que estão presos pelas amarras do homossexualismo.O Evangelho afirma que o que é impossível para os homens é possível para Deus. A graça de Cristo ofertada no Calvário é capaz de restaurar o pecador perdido e lhe dar uma nova vida. Jesus disse que Ele mesmo veio para libertar e salvar o que se havia perdido. Cristo é a única alternativa para os que estão nesta vida de escravidão. O que terapias psicologicas não podem, o Evangelho se qualifica como o meio verdadeiro para dar o homem uma nova identidade livre de ingerências trevosas e malignas.

Fique na paz! Visite o meu novo blog: http://citarecitar.blogspot.com/

Será uma honra o seu comentário.

Anônimo disse...

Olá, Jelcimar. Minha situação é muito difícil, estou completando 24 anos nos próximos dias, e dez anos de luta contra o homossexualismo. Fui criado em um lar cristão, e tenho plena consciência de que é abominável a prática. Já testemunhei diversas vezes o amor de Deus por mim, mas caí várias vezes também, e não quero nunca mais cair. Entretanto, ainda faltam muitos anos para eu viver aqui na terra, e eu não me casarei com uma mulher (sou homem, não tinha dito), se naturalmente não consigo ter atração suficiente pra isso. O curioso é que só se fala em ajuda pra os que são homossexuais e defendem isso, diz-se que "os homossexuais precisam conhecer o amor de Cristo". A questão é: eu conheço Jesus, desejo servi-lo, não me entrego a práticas homossexuais, mas não gosto de mulher, e a não expectativa de constituição de família é absolutamente deprimente. Me ajude.
Meu pastor não sabe disso, família, ninguém, pensam que não me relaciono com mulher por opção.
Mas Jesus conhece minha luta, que é diária.
Não quero deixar meu e-mail aqui, é arriscado, nem sei o que fazer, responda no seu próprio Site
Codinome: Ricardo Garcia

Jelcimar Rouver Jr. disse...

Resposta postada em "Resposta ao comentário".

http://paginca.blogspot.com/2011/12/resposta-ao-comentario.html